A série "Hanna", que estreou em março, baseada no filme homônimo de 2011, ganhou os assinantes da Amazon Prime Video, que vem investindo peso em conteúdo e divulgação.

Por conta disso, o serviço anunciou nesta semana que fará uma segunda temporada série. "Sabíamos que tínhamos algo único com 'Hanna'. A série teve uma tremenda resposta e estamos entusiasmados não só com o desempenho que nos apresentou, mas com aquele mundo repleto de ação", disse Albert Cheng, co-diretor de TV da Amazon Studios.

A segunda temporada tem previsão de estreia para 2020. A primeira teve oito episódios, sendo produzida pela NBCUniversal International Studios, Working Title e Amazon Studios.

Investimento pesado O investimento da Amazon é de até US$ 5 bilhões ao longo do ano em conteúdo também promete colocar o serviço em outro patamar. A divulgação no Brasil, antes escassa, começa a ganhar ares mais agressivos, na internet, TV e nas ruas.

A estratégia é de mesclar produtos originais com séries clássicas e títulos que garantam presença nos maiores e melhores festivais do mundo. Com presença confirmada em festivais de cinema pelo mundo, seus filmes têm chamado a atenção pela qualidade técnica. Longas como "Você Nunca Esteve Realmente Aqui" e "A Pé Ele Não Vai Longe".

Um dos maiores desafios da Amazon é conquistar novos assinantes. Analistas de Wall Street, por exemplo, estimam que os investimentos da Amazon superem os da Netflix em breve com vídeo.

Por Natelinha